Indústria: entenda por que cada vez mais o segmento assegura seus dados em nuvem
30 de outubro de 2018
Entenda como automatizar a indústria da moda e os ganhos para o seu negócio
30 de outubro de 2018
Exibir tudo

Gestão na indústria: cinco dicas para reduzir custos e acelerar o crescimento na indústria da moda

O segmento têxtil, responsável por uma parte muito significativa da economia brasileira, movimenta milhões de reais e gera inúmeros empregos. Esse mercado está saturado, o que torna ainda mais desafiador investir em um negócio nessa área.

Os gastos em uma indústria têxtil são altos, então se torna imprescindível adotar métodos que promovam uma economia em todos os setores. Inovações e soluções tecnológicas podem ser ferramentas aliadas do empreendedor no momento de reduzir custos operacionais, desde a minimização de erros até a automatização de tarefas. Veja cinco dicas para você reduzir custos:

 

Precisão na compra da matéria-prima

Na indústria da moda, um dos maiores custos relacionados à fabricação advém da compra de matéria-prima para confecção de seus itens, geralmente vital para garantir a rentabilidade prevista no lançamento de seus produtos e, consequentemente, o sucesso de uma empresa.

Porém, saber exatamente o que comprar para atender demandas não é tarefa fácil. É preciso considerar as vendas, de preferência em tempo real, ter a informação dos estoques e acompanhar a produção atual, que muitas vezes é afetada por variáveis fora de controle. Entre eles, prazos de entrega de fornecedores e alterações nos pedidos já colocados, entre outras dificuldades (comumente encontradas em qualquer “chão de fábrica”).

Além disso, o desvio na compra correta da matéria-prima acarretará em prejuízo se a empresa comprar mais do que o necessário. As sobras, na maior parte dos casos, não podem ser aproveitadas em produções futuras – o que aumenta o custo de produção desses itens. Em contrapartida, se a compra não for suficiente, pode atrasar alguma entrega, gerando insatisfação dos clientes.

A solução é a adoção de uma ferramenta que auxilie a empresa a calcular corretamente a necessidade de compra de matéria-prima. Existem ferramentas que fazem as análises das vendas, do estoque e da produção, apresentando aos tomadores de decisão, de forma rápida e segura, informações precisas de tudo o que necessitam ter em estoque e nas respectivas datas, para que tudo saia conforme o planejado.

 

Uso consciente de recursos

Algumas atitudes na empresa ajudam a diminuir os gastos, como a utilização de menos água e energia, além da utilização consciente de matéria-prima. Atitudes simples como essas devem fazer parte de uma política constante de redução de custos, não apenas em momentos de dificuldades econômicas.

 

Automatização de controles

Controles e acompanhamentos são necessários, mas cada controle tem um custo.

Esses custos, já que necessários, podem e devem ser racionados. Em muitas empresas, os colaboradores preenchem planilhas para efetuar controles e, na maioria dos casos, isso torna a empresa improdutiva.

Controles manuais dependem de pessoas, são lentos, suscetíveis a falhas e não transmitem segurança. Se considerarmos o tempo empregado no dia a dia em planilhas por cada colaborador, teremos no final do período de um ano centenas de horas de trabalho que poderiam ser aproveitadas de forma mais produtiva. Isso tem um grande impacto.

A automatização desses controles resulta em agilidade, produtividade e segurança. Alguns exemplos vistos hoje na indústria da moda são a automatização de rotinas de envio e análise de pedidos, planejamento das entregas, setores de expedição, entre outros.

 

Invista em uma sala de corte automatizada

Otimize o uso de tecidos através do investimento em uma sala de corte automatizada, que permita uma precisão muito maior no corte, além de minimizar as sobras e evitar o retrabalho: as peças ficam prontas para a costura, sem a necessidade de ajustes.

 

Tecnologia a seu favor

O uso da tecnologia permite que empresas de pequeno e médio portes possam competir no mercado. No setor de tecidos e confecções, implantar soluções de TI diminuirá os gastos com mão de obra. Além disso, o espaço de armazenamento de informações também diminuirá com a digitalização de documentos, logo, o gasto com papel também será menor.

 

Uma gestão eficiente de gastos certamente contribuirá para a eficiência, a competitividade e a sustentabilidade. Com isso, a empresa que investe na automação consegue ter um retorno mais rápido do investimento feito na compra dos equipamentos.

Outra maneira que, além de reduzir custos, irá acelerar o crescimento do seu negócio no mercado têxtil é ter um sistema ERP na nuvem. Um consultor da Systêxtil revela as vantagens de migrar os dados para a nuvem.

Deixe uma resposta