Os ataques cibernéticos estão aumentando. Sua empresa está prevenida?

Separamos 7 dicas que podem garantir a segurança digital da sua fábrica.


POR Comunicação Systêxtil, - 10/07/2020

Um fenômeno global que muito temem empresas e especialistas de tecnologia da informação se intensificou nos últimos meses. São os ataques cibernéticos que, segundo um levantamento da Kaspersky (empresa especializada em cibersegurança), aumentaram 333% de fevereiro a abril deste ano à empresas brasileiras. Dados da Fortinet também reforçam que ocorreram muitas tentativas de invasão de dados no Brasil: mais de 1,6 bilhão no primeiro trimestre do ano.

É fato: o Brasil está na mira dos hackers. Vazamento de informações, sequestro de dados, roubos de senha entre outros: nós somos o segundo país do mundo com o maior número de crimes nessas áreas, atrás apenas da China.

Ataques cibernéticos podem afetar toda a rede corporativa, interrompendo as atividades e comprometendo a continuidade dos negócios. Esse tipo de problema gera danos que vão do financeiro à imagem da corporação no mercado e psicológicos, gerando ansiedade e paranoias constantes.

Mas, numa hora dessas, ninguém está totalmente preparado. Além de ter ciência das notícias relacionadas à área, o planejamento e a implantação de algumas medidas aumentam consideravelmente a segurança do negócio.

Separamos 7 dicas de segurança digital para aplicar na sua empresa que ajudam a prevenir ataques cibernéticos:

 

1. Acompanhe as tendências e evoluções da área

As tendências e evoluções tecnológicas são muito rápidas e soluções novas são criadas todos os dias. Mas, por outro lado, cibercriminosos também criam e investem em novos mecanismos de ação frequentemente.

Por isso, é fundamental pesquisar e se informar diariamente das inovações que são lançadas. Ative a notificações daqueles sites de notícia mais confiáveis ou portais que tratam desses temas para acompanhar as novidades na área.

 

2. Utilize antivírus, antimalware e mantenhas os softwares e drives atualizados

Utilize na sua empresa sempre bons programas de antivírus e antimalware, de preferência versões corporativas. Esses recursos vão ajudar na prevenção e também na detecção de ameaças, podendo bloqueá-las antes que elas causem prejuízos.

Além disso, um dos principais meios de acesso dos hackers aos sistemas é por meio de falhas encontradas em softwares, sistemas operacionais e drives. Por isso, mantenha seu sistema sempre atualizado.

 

3. Tenha cuidado com e-mails suspeitos

“Engenharia Social” é uma das técnicas que os hackers utilizam para ganhar a confiança do usuário. Em geral, são e-mail falsos que simulam empresas, contatos e cobranças, sugerindo acessar algum link que, ao ser clicado, criptografa todos os arquivos que forem encontrados.

Portanto, não clique em e-mails suspeitos e muito menos abra esses e-mails – e instrua sua equipe a fazer o mesmo. Além disso, utilize e-mails profissionais verificados e com bons recursos de segurança.

 

4. Faça um backup seguro

A melhor maneira de manter seus arquivos seguros é por meio de um backup profissional na nuvem. Esse método executa periodicamente verificações por novos arquivos e realiza seu upload, mantendo as diferentes versões de um mesmo arquivo disponíveis para recuperação eficiente.

Outra prática é armazenar cópias de backup em pelo menos dois níveis diferentes e independentes, como por exemplo hd externo, mantendo uma das cópias do backup em um local fora da empresa. Ainda, é fundamental testar frequentemente os backups para garantir a integridade dos mesmos.

 

5. Tenha ferramentas de monitoramento

Ferramentas de monitoramento de atividades no cotidiano das áreas de TI e demais áreas, como financeiro, por exemplo, auxiliam no acompanhando do que está acontecendo na empresa. Qualquer tipo de conduta errada, vulnerabilidade, mudança nos padrões de acesso deve ser percebida imediatamente, de forma a ser contida.

 

6. Conte com a ajuda de empresas especializadas em segurança da informação

As empresas especializadas na área de segurança da informação podem ser estratégicas e essenciais para garantir a privacidade e integridade dos dados da sua corporação. Além de estarem atentas às novidades, elas desenvolvem soluções importantes e inteligentes que ajudarão a potencializar os mecanismos de proteção.

 

7. Crie planos de contingência

Como falamos ao longo deste artigo, os cibercriminosos são engenhosos e criam constantemente novas formas de atuação para conseguirem seus objetivos – muitas vezes surpreendendo os especialistas em segurança da informação. Por isso, é importante ter um plano detalhado e padronizado para eventuais situações, de forma que todos operem da mesma forma e evitem falhas de comunicação e procedimentos errados.

 

Agora que você já viu algumas ações simples que podem evitar prejuízos inestimáveis com ataques digitais, é preciso colocá-las em prática no dia-a-dia da sua empresa. Afinal, você não quer amanhecer com seu computador – e de todos da empresa – travados e invadidos por hackers, não é mesmo?


Últimas do blog Systêxtil: 

VÍDEO: Baixa da ordem de confecção em cliente Systêxtil

5 motivos para investir em um ERP durante a crise econômica

Em prol da saúde: tecnologia têxtil no combate ao novo Coronavírus



Voltar para o Blog 

Inscreva-se para receber novidades